Nossa História

No reinado de Jaime II, da Inglaterra, o popular pregador protestante João Bunyan (1628-1688) foi preso “por fazer reuniões ilícitas e não se conformar com o culto nacional da igreja anglicana”. Na cadeia, a que ele chamava de “a cova dos leões”, escreveu uma alegoria sobre uma viagem de um peregrino em viagem para o céu. O “Novo Peregrino” é mais do que uma alegoria. É um retorno à verdade. Mais do que um protesto, é um desafio. Mais do que uma revolta, é um questionamento. Partimos em busca de respostas. Algumas das perguntas são difícieis de fazê-las e mais

Continue reading